Participaram da formação 74 moradores do conjunto e capacitação deve alcançar todos os residenciais do antigo Prosamim

Comandante-geral dos Bombeiros, coronel Orleilso Muniz – FOTO: Antonio Lima/Secom

Dê o play e ouça esta matéria

Moradores do Parque Residencial Gilberto Mestrinho, localizado no bairro Cachoeirinha, zona sul de Manaus, participaram, nesta quinta-feira (17/11), das atividades práticas do curso de formação de brigadista realizado pela Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) em parceria com o Corpo de Bombeiros.

A capacitação reuniu 74 moradores, com turmas nos períodos da manhã e tarde. O treinamento prático envolve o manuseio de extintores, mangueira d’água, hidrantes para o combate a incêndio e, também, noções de primeiros socorros. As atividades ocorreram no Comando Geral do Corpo de Bombeiros, no bairro Petrópolis, zona sul de Manaus.

De acordo com o comandante-geral dos Bombeiros, coronel Orleilso Muniz, a capacitação faz parte do programa Brigadas Comunitárias e cumpre um dos critérios de regularização dos residenciais do Programa Social e Ambiental do Igarapés de Manaus (o antigo Prosamim), hoje Prosamin+, que foram construídos e entregues em gestões passadas sem habite-se e sem título definitivo aos moradores.

O comandante-geral afirma que as instruções são extremamente relevantes para os moradores dos residenciais, podendo ser repassadas para outros moradores.

“Aqui eles recebem a capacitação, saem certificados e se tornam multiplicadores de conhecimento, então eles aumentam a nossa capacidade de presença. É muito importante esse envolvimento do Governo do Estado, do Corpo de Bombeiros com a comunidade, de maneira que a gente leva a segurança, leva proteção para os locais onde as pessoas mais precisam”, destacou o comandante.

Brigadistas

A turma do Parque Residencial Gilberto Mestrinho é a segunda turma de brigada de incêndio formada no âmbito do novo Prosamin+. A primeira foi para o Residencial São Raimundo, que já passou pelo processo de regularização.

De acordo com a UGPE, a intenção do Governo do Amazonas é regularizar todos os nove parques residenciais construídos entre os períodos de 2007 a 2016, e entregar os novos residenciais já regularizados.

Uma das participantes do curso foi a diarista Elizabeth Almeida, de 59 anos. Ela afirma ter aproveitado os conhecimentos técnicos adquiridos na capacitação.

Moradora Elizabeth Almeida – FOTO: Antonio Lima/Secom

“Vai ser importante para ajudar as pessoas, ajudar a salvar vidas e também para agir em casos de incêndio. Estamos prontos para ajudar todo mundo e estou muito feliz de estar aqui, concluindo a minha missão. Dá mais segurança para mim e para a população”, afirmou Elizabeth.

Outra moradora do residencial, a aposentada Tânia Regina, 57, conta que aceitou participar do curso para formação de brigadistas para o caso de necessidade.

“Lá, a gente realmente precisa desses extintores, dessas técnicas que estamos aprendendo aqui, então é importante a gente saber manusear, para os que não sabem, e também passar para frente essa informação”, avaliou a moradora.