Durante edição do programa na cidade, houve ações de cidadania e de apoio ao setor primário

FOTOS: Lucas Silva/Secom e Bruno Zanardo/Secom

O programa Governo Presente ampliou a oferta de atendimentos médicos em Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus), na sexta-feira (13/05). Serviços para pessoas com deficiência e apoio a produtores rurais também fizeram parte da programação.

Na sede do município, os atendimentos aconteceram na escola Estadual André Vidal, das 8h às 17h. Através do programa Chamas de Saúde, do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (BMAM), a população contou com consultas em otorrinolaringologia, cardiologia, ginecologia, pediatria, ortopedia, clínica geral, neurologista, odontologista, além de serviços de enfermagem, assistência social e farmácia.

A moradora Terlúcia Duarte, 36, foi uma das 644 pessoas que receberam atendimento médico no Governo Presente. Ela disse que há meses tentava uma consulta e, em poucos minutos, conseguiu o atendimento que precisava.

“Eu escolhi ginecologista porque é a minha prioridade. Eu estou precisando, aliás, está com mais de um mês que eu estou esperando uma consulta e nada, aí como apareceu essa oportunidade, eu aproveitei. É muito importante, principalmente para a mulher, o atendimento ginecológico, porque evita uma consequência maior “, afirmou.

Grávida de três meses, a autônoma Rafaela Santos de Andrade, 26, saiu satisfeita da consulta com o médico clínico geral. “Foi ótimo. Aqui [no município] é difícil, não tem pediatra, e a gente precisa, e se eu soubesse teria trazido os meus filhos, mas vim logo no clínico geral, eles moram longe eu não tive como trazê-los, mas pelo menos eu consegui [me consultar]”, relatou a jovem.

Ainda com atendimentos de saúde, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e a Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), levaram aplicação das doses da vacina contra Covid-19, além das vacinas pediátricas para menores de 12 anos, e contra Influenza e a Tríplice Viral.

Também foram oferecidos testes rápidos de Hepatite, HIV e Sífilis.

Social – Durante o evento, O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), realizou a entrega de cinco Carteiras de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista (Ciptea), que garante à comunidade autista do Amazonas o atendimento prioritário em todos os segmentos dos serviços públicos e privados, em especial nas áreas de saúde, educação e assistência social.

Além da Ciptea, foram entregues quatro cadeiras de rodas para pessoas cadastradas junto à Sejusc e, também, três Carteiras de Identificação da Pessoa com Deficiência (CIPcD) para moradores do município que já haviam solicitado o documento.

A carteira pode ser apresentada em hospitais da rede pública e privada, agências bancárias, caixas eletrônicos, supermercados, instituições públicas e privadas, além do transporte de passageiros, seja ele municipal, intermunicipal, rodoviário, fluvial ou aéreo.

Outra ação da Sejusc foi a entrega do cheque do projeto Idoso Empreendedor, no valor de R$ 8 mil. A iniciativa, lançada no ano passado, oferece microcrédito para pessoas acima de 45 anos, abrir ou ampliar o próprio negócio.

Produção rural – Foram liberados pelo Governo do Estado R$ 265.039,63 em crédito rural para investimentos nas atividades de pesca artesanal e agricultura familiar (avicultura e mandioca). Para esta ação foram aprovados 13 projetos junto à Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), para aquisição de máquinas, equipamentos e custeio das atividades.

Ao todo, foram entregues 200 kits da agricultura familiar e 1,5 mil mudas de cacau e açaí para produtores das comunidades São João e Novo Amanhecer. O Governo do Amazonas também realizou a entrega de 120 Cartões do Produtor Primário (CPPs); 100 Declarações de Aptidão ao Pronaf (DAPs); 22 Cadastros Ambientais Rurais (CARs).