Provas são aplicadas em Manaus e em todos os municípios do interior do estado

FOTOS: Eliana Nascimento/SSP-AM

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), por meio da Secretaria Executiva-Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada de Segurança (Seagi), ativou, na manhã deste domingo (13/02), o Sistema Integrado de Comando e Controle (SICC), que faz parte do Plano Tático Integrado (PTI) para monitorar o antes, durante e o depois da aplicação das provas do vestibular da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), acesso 2022.

De acordo com a UEA, são mais de 24,7 mil candidatos inscritos. A segunda etapa do exame está marcada para o dia seguinte, na segunda-feira (14/02). As provas estão sendo aplicadas em Manaus e em todos os municípios do interior do estado. A SSP-AM monitora o andamento das provas.

As atividades de monitoramento começaram às 7h, incluindo o deslocamento das provas, locais de aplicação das provas e o trânsito nas ruas de acesso para as unidades de ensino onde o certame foi aplicado.

Em Manaus, 40 locais de aplicação de provas foram monitorados. No interior foram contabilizadas 93 unidades de ensino.

Na terça-feira (15/02), a UEA vai aplicar as provas do Sistema de Ingresso Seriado (SIS). Mais de 26,8 mil candidatos estão inscritos no certame. A SSP-AM, por meio da Seagi, vai continuar com o monitoramento das provas.

Efetivo – A operação é coordenada pela SSP-AM, em ação integrada com a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), com a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBMAM), Secretaria Executiva-Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada (Seagi), Secretaria Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai), Secretaria Executiva-Adjunta de Operações (Seaop), Corregedoria-Geral da SSP-AM, Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc), Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Centro de Operações de Segurança Escolar (Cose) e Amazonas Energia.